Espaço Natura Joabe Reis

Espaço Natura Joabe Reis
Click na imagem e Compre Produtos Natura acessando o site http://rede.natura.net/espaco/joabereis produtos Natura, como perfumes, com até 60% de desconto em relação a revista.

quinta-feira, 8 de novembro de 2018

Uruará: PM prende foragido de presídio com moto roubada e pistola .40

Por Joabe Reis
Informações: PM
Foragido do presídio de Santa Izabel é preso em Uruará usando pistola .40 de uso exclusivo da PM
A Polícia Militar prendeu na noite desta quarta-feira, 07 de novembro, na cidade de Uruará, sudoeste do Pará, um foragido da Colônia Penal Agrícola de Santa Izabel, região metropolitana de Belém, o nacional Rangel da Silva Alves, com o mesmo foi encontrado uma pistola .40 de uso exclusivo da Polícia Militar, dois carregadores, 7 munições intactas e uma moto broz 160 ano 2016 produto de roubo ocorrido na cidade de Brasil Novo. Segundo informou a polícia, a prisão foi efetuada pela guarnição de serviço da PM (sg Augusto, sd Mendes, sd Gehnson e sd Chances) que durante ronda abordou um indivíduo, na Avenida Perimetral Sul, de nome Sebastião Lino Rodrigues que estava conduzindo uma moto broz 160 ano 2016, veículo este que posteriormente foi constatado como sendo produto de roubo. 
Foragido Rangel
Em seguida a guarnição dirigiu-se para a casa de Sebastião na Travessa II do Bairro Mini-Indústria, zona sul da cidade de Uruará, onde os policiais encontraram o nacional Rangel da Silva Alves. Ao fazer a revista na casa foi encontrada uma pistola .40 de uso restrito da PM, 2 carregadores e 7 munições intactas. Rangel confessou aos policiais militares que é foragido da Colônia Penal Agrícola do município de Santa Izabel do Pará, fuga ocorrida recentemente, fato que foi constatado pela autoridade policial após Rangel ser encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil (Depol). 
Ainda segundo a polícia, o foragido é conhecido na cidade de Altamira pelo vulgo Magnata e pertence a facção criminosa comando vermelho.
Moto recuperada
Rangel da Silva Alves ficará recolhido a disposição da justiça. A arma, carregadores e munições foram apresentados na Depol. O nacional Sebastião Lino Rodrigues também foi apresentado na delegacia de polícia e deve ficar preso por ser flagrado conduzindo moto roubada.

quarta-feira, 7 de novembro de 2018

Portaria anuncia troca de magistrado no município de Uruará

Por Joabe Reis
Informações: DJPA
Comarca de Uruará terá novo juiz a partir do dia 12
A portaria de nº 5535/2018-GP datada de 5 de novembro de 2018, publicada no Diário de Justiça do Estado do Pará, no último dia 6 de novembro, designa o juiz de direito substituto, Ênio Maia Saraiva, para responder pela Comarca de Uruará a partir do dia 12 de novembro de 2018 até ulterior deliberação. 
A portaria é designada pelo Desembargador Presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Pará, Ricardo Ferreira Nunes. Até esta semana respondia pela comarca o juiz de direito, Juliano Dantas Jerônimo, que desde o segundo semestre de 2017 atuava no Fórum do município. Ainda não há informações sobre a transferência do magistrado.

Leia a publicação no DJPA acessando https://www.jusbrasil.com.br/diarios/216159007/djpa-06-11-2018-pg-9

segunda-feira, 5 de novembro de 2018

Motorista foge com Pajero após bater em banca de churrasquinho na Praça da cidade de Uruará

Por Joabe Reis
Motorista de Pajero branca joga veículo encima de banca de churrasquinho na Praça Municipal de Uruará 

Na noite deste domingo, 04 de outubro, um carro Pajero na cor branca colidiu com uma banca de churrasquinho na Praça Municipal de Uruará, no centro da cidade. O caso ocorreu por volta das 22 horas. O motorista fugiu com o veículo do local em seguida, tomando rumo ignorado. Ninguém ficou ferido. Houve apenas perdas materiais. 
De acordo com o dono do carrinho de churrasquinho houve o prejuízo na perda de 8 churrascos, bacias de plásticos, churrasqueira quebrada e mesa danificada. O veículo também teria ficado danificado.
O dono do carrinho de churrasco havia se afastado do local no momento da batida e não havia clientes sendo atendidos. 
O caso foi registrado na Delegacia de Polícia Civil do município.

Uruará: Homem ameaça de morte ex-mulher que está grávida de outro companheiro

Por Joabe Reis
Imagem ilustrativa, não é da vítima
Grávida de 7 meses sofre ameaça de morte do ex em Uruará
Na manhã desta segunda-feira, 05 de outubro, uma mulher grávida de 7 meses procurou a Delegacia de Polícia Civil em Uruará, sudoeste do Pará, para registrar um boletim de ocorrência sobre uma ameaça de morte praticada pelo seu ex-marido. A ameaça ocorreu no início da manhã desta segunda-feira. A grávida, que preferiu manter seu nome em sigilo, relatou sobre o fato para a nossa reportagem. Já tem 1 ano e 2 meses que nós nos separamos. Eu estou grávida de outra pessoa e já estou em outro relacionamento e ele (o ex), ainda não aceitou a nossa separação e não aceita outra pessoa do meu lado. Hoje ele chegou na lanchonete onde eu trabalho, perguntou se eu estava com outra pessoa e disse que tinha dois presentinhos para mim e em seguida tirou duas munições de arma de fogo de dentro de uma bolsa e me mostrou dizendo que uma era para mim e a outra era para o meu companheiro atual. Eu disse Chico, o que foi que eu te fiz para merecer isto? Ele já me agrediu quando nós eramos casados e hoje me disse que se eu não for dele não serei de mais ninguém. E eu temo pela minha vida e a de meus familiares, por isto procurei a delegacia para registrar o boletim de ocorrência e pedir proteção”, disse a grávida.
Foi solicitada uma medida protetiva para a grávida que será definida após audiência a ser realizada no Fórum e posteriormente deferida pela justiça. A Polícia Civil orienta para que nos casos de ameaça a vítima apresente os dados do autor, como nome e endereço, para a lavratura de medida protetiva.

quarta-feira, 31 de outubro de 2018

Uruará: Jovem usa punho da rede para se enforcar

Por Joabe Reis
Informações: Polícia Civil
Mulher usa punho de rede para cometer suicídio no Bairro Mini-Indústria 
Na madrugada desta quarta-feira, 31 de outubro, uma moradora do Bairro Mini-Indústria, na zona sul da cidade de Uruará, cometeu suicídio ao se enforcar usando o punho da própria rede de dormir. O caso ocorreu na Rua Castanheira no Bairro Mini-Indústria. 
Segundo a polícia, a vítima Glenda Martins Almeida, 27 anos, sofria de depressão e tomava remédio controlado. A mesma morava com uma amiga e trabalhava num bar do referido bairro. 
A equipe de plantão da Polícia Civil, EPC Ivan, IPC Aline, IPC Eládio, estiveram no local fazendo levantamentos de informações.
O corpo foi recolhido e levado para o necrotério do hospital municipal para posterior procedimento fúnebre.
Glenda não deixou mensagem escrita sobre a sua decisão de tirar a própria vida.
Casos de suicídio
Este foi o 3º caso de suicídio na cidade de Uruará ocorrido nos últimos 25 dias.
Além do caso registrado nesta quarta-feira, 31, no dia 18 de outubro, também no Bairro Mini-Indústria o jovem Maike Nascimento Silva se enforcou com um fio de antena de TV e no dia 06 de outubro o jovem, Jean Carlos da Silva, 24 anos, tirou a própria vida se enforcando com um fio de nylon no Bairro Jardim Morumbi.


Nossas condolências à família da Glenda e às demais famílias das vítimas.

terça-feira, 30 de outubro de 2018

Caminhão com carga de madeira avaliada em R$ 55 mil saída de Uruará é apreendido no Rio Grande do Norte

Informações: G1 RN
Carga ilegal de madeira que saiu de Uruará é apreendida pelo Ibama em Natal (RN)
O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) apreendeu, em Natal, capital do Rio Grande do Norte, uma carga ilegal de madeira saída da cidade de Uruará, sudoeste do Pará. A ação ocorreu na tarde desta segunda-feira (29).
O caminhão que transportava cerca de 23 metros cúbicos de madeira serrada foi parado por agentes da Secretaria de Tributação (SET), que acionaram o instituto ambiental. A inspeção inicial apontou um valor estimado de R$ 55 mil para a carga.

Uma guia florestal falsificada foi encontrada com o motorista. Normalmente, o documento serve para atestar a legalidade da madeira desde a retirada até o transporte. O material seria entregue a uma empresa de Natal que agora está sob investigações do Ibama.
Já o motorista foi autuado por sonegação fiscal e também poderá responder por crime ambiental. A empresa transportadora para qual o mesmo trabalha também será investigada.
A equipe técnica do Ibama que participou da ação de apreensão acredita que a madeira possa ter sido extraída de uma reserva indígena ou ambiental no município de Uruará, sudoeste do Pará.

quinta-feira, 25 de outubro de 2018

Uruará: Bandidos armados roubam motocicleta de casal e ainda chutam pernas da mulher durante assalto

Por Joabe Reis
Informações: Polícia Civil
Casal teve moto roubada em assalto no Bairro Betel 
Assaltantes voltam a atacar na cidade de Uruará. No início da noite desta quarta-feira, 24 de outubro, um casal teve a moto e o celular roubados em assalto a mão armada ocorrido no Bairro Betel, zona nordeste da cidade. O caso foi registrado na Delegacia de Polícia Civil nesta quinta-feira. De acordo consta no boletim de ocorrência, o casal seguia em via pública pelo referido bairro quando foi abordado por dois indivíduos que estavam em uma motocicleta pop na cor vermelha com rodão preto, sendo o piloto alto, magro e moreno que portava uma arma de fogo do tipo revólver, e o garupa era um indivíduo baixo, branco, forte. No assalto o casal foi obrigado a ficar de joelhos e os indivíduos ainda chutaram as pernas da mulher. Os criminosos subtraíram das vítimas a motocicleta pop 110 na cor branca ano 2018 placa QEL1524 e chassi final R020218 e 1 celular Samsung J2 prime na cor preto. Após o assalto os indivíduos fugiram tomando rumo ignorado.
Outros casos
Também foram registrados na Delegacia de polícia um caso de furto de motocicleta ocorrido na noite desta quarta-feira, 24, no Bairro Mini Indústria, e um caso de assalto no Bairro Vila Brasil quando criminosos roubaram o celular de uma mulher.

Os casos serão apurados pela Polícia Civil.

sábado, 20 de outubro de 2018

O Rio Uruará é um dos pontos de lazer em Uruará

Meio ambiente
URUARÁ DE ÁGUAS LIMPAS
Vamos cuidar do nosso rio. Eu digo Não à poluição.
Rio Uruará é uma das grandes opções naturais de lazer do município de Uruará. Aproveite, divirta-se, cuide!


Compartilhe esse alerta!

Uruará: Polícia Civil prende dois suspeitos de participação direta na morte do pecuarista Florisvaldo Ferreira

Por Joabe Reis
Informações: Polícia Civil

Um casal foi preso em Uruará suspeito de assassinato do pecuarista Florisvaldo Ferreira
A Polícia Civil deflagrou na tarde desta sexta-feira, 19 de outubro, a primeira fase da Operação "Justiça no Campo" em Uruará, sudoeste do Pará, para cumprimento de mandado de prisão preventiva expedido pela justiça em desfavor de dois indivíduos suspeitos de participação direta na morte do fazendeiro Florisvaldo Ferreira, conhecido como Florim, e seu funcionário Francinaldo Santos, conhecido pelo apelido de Neguinho, duplo homicídio ocorrido no dia 30 de julho de 2018 numa propriedade rural do km 170 sul. Segundo informações da polícia, os dois indivíduos (um homem e uma mulher) foram presos na zona rural do município, a 70 km do centro urbano de Uruará, mas que ainda não é possível divulgar a identidade dos mesmos, devido ao sigilo das investigações que ainda estão em curso. 
Cumpriu o mandado de prisão a equipe de plantão da Polícia Civil, EPC Leandro, IPC Michel, IPC Eládio e DPC Gabriel.
Ainda de acordo com a polícia civil, o cumprimento de mandado de prisão preventiva foi possível com as investigações acerca do duplo homicídio referido, os fatos apurados foram apresentados ao Ministério Público e ao Poder Judiciário local, os quais concordaram que seria cabível a prisão preventiva dos suspeitos.
As investigações continuam para confirmar as suspeitas bem como identificar os demais participantes nas duas mortes. Os dois suspeitos presos estão recolhidos na carceragem da delegacia de polícia em Uruará a disposição da justiça.

Relembre o crime 

Um caso de execução com duas mortes ocorreu na madrugada de segunda-feira, 30 de julho de 2018, no km 170 sul, zona rural do município de Uruará, numa fazenda de gado a 37 km do centro urbano. 
Pecuarista Florisvaldo Ferreira
assassinado
O proprietário da fazenda, o pecuarista Florisvaldo Ferreira e um empregado identificado pelo nome de Francinaldo Santos, de apelido Neguinho, foram assassinados a tiros e a casa da fazenda foi incendiada, até um carro e 2 motocicletas que haviam na residência foram devorados pelo fogo. Segundo informações apuradas por nossa reportagem, 4 homens armados com duas espingardas e duas armas curtas, chegaram a fazenda por volta das 3 horas da madrugada. Os indivíduos dominaram o dono da fazenda e o executaram. Florisvaldo Ferreira foi assassinado brutalmente com um tiro na nuca, e o funcionário foi executado com um tiro nas costas. Ainda segundo informações, os quatro homens estavam encapuzados, armados e dirigindo uma camionete, os mesmos invadiram a casa da fazenda, pediram dinheiro e como o pecuarista não tinha, os criminosos o executaram e em seguida o seu funcionário, roubaram uma moto, uma tv e por fim colocaram fogo na residência. 

Desde o dia do crime a família do pecuarista (cujos filhos são advogados) e amigos pedem justiça. Com a prisão dos primeiros suspeitos a polícia começa a dar a resposta para a sociedade sobre o caso.

quinta-feira, 18 de outubro de 2018

Uruará: Morador do Bairro Mini-Indústria usa fio de antena de TV para cometer suicídio

Por Joabe Reis
Informações: Polícia Civil
Jovem comete suicídio por enforcamento na cidade de Uruará 
O jovem Maike Nascimento Silva completaria 25 anos nessa sexta-feira, 19 de outubro, mas decidiu interromper a própria vida tomando a decisão extrema de cometer suicídio. O caso ocorreu por volta das 6 horas e 30 minutos da manhã desta quinta-feira, 18 de outubro, no Bairro Mini-Indústria, zona sul da cidade de Uruará, sudoeste do Pará. O jovem usou o fio da antena de TV, amarrado no teto da casa, para se enforcar. 
A equipe de plantão da Polícia Civil em Uruará (EPC Leandro, IPC Tadeu, IPC Michel e DPC Gabriel) compareceu ao local para fazer os primeiros levantamentos de informações. Segundo informações da polícia, Maike estava sozinho num barraco nos fundos da casa quando tirou a própria vida. Ainda de acordo com a polícia, a família afirma que o jovem havia se separado há pouco tempo e comentava frequentemente que iria se matar.
Não há informações sobre a existência de alguma mensagem escrita deixada pelo jovem.
O acontecimento encheu de tristeza os corações de familiares e amigos que deixam várias mensagens na página da rede social de Maike, carregadas de pesar, lamentações e relatos de quão boa pessoa o jovem era.
Este foi mais um caso de suicídio ocorrido no município de Uruará neste ano de 2018. No dia 06 de outubro o jovem, Jean Carlos da Silva, 24 anos, tirou a própria vida se enforcando com um fio de nylon. O fato ocorreu na Rua 13 de Maio, Bairro Jardim Morumbi, zona oeste da cidade de Uruará.

Nossas condolências à família.