Espaço Natura Joabe Reis

Espaço Natura Joabe Reis
Click na imagem e Compre Produtos Natura acessando o site http://rede.natura.net/espaco/joabereis produtos Natura, como perfumes, com até 60% de desconto em relação a revista.

terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

Assassino do jovem Gabriel Silva em Brasil Novo é preso pela Polícia Civil de Uruará

Por Joabe Reis
IPC Célio Salvador, acusado Antônio Israel Ferreira e IPC Sílvio Alex
Em cumprimento ao mandado de prisão preventiva expedido pela justiça do município de Brasil Novo (PA), a Polícia Civil (PC) prendeu na cidade de Uruará, no início da tarde desta terça-feira, 16 de fevereiro, o acusado de cometer o assassinato do jovem Gabriel Rodrigues da Silva, de 18 anos, crime ocorrido na noite do dia 15 de janeiro de 2016, na cidade de Brasil Novo. O nacional Antônio Israel Ferreira, 32 anos, autor do crime, foi capturado após denúncia anônima.
A prisão foi efetuada pelo Investigador de Polícia Civil, Célio Salvador, Investigador de Polícia Civil, Sílvio Alex e Escrivão de Polícia Civil, Ivan Santos, sob o comando do Delegado de Polícia Civil, Walison Damasceno, lotados na Delegacia de Polícia Civil do município de Uruará.
Segundo informou a PC, o acusado de cometer o crime estava foragido e se escondia na zona rural do município de Uruará trabalhando em fazendas.
Na Delegacia de Polícia Antônio confessou ter esfaqueado a vítima após uma discussão durante uma disputa de cana de braço. “A gente teve uma discussão e ele (Gabriel) foi buscar uma arma na casa dele dizendo que ia me atirar, quando ele voltou da casa dele ele me chamou atrás do bar, estava escuro eu achei que ele iria me atirar aí eu esfaqueei ele. Depois que eu cometi o crime eu fugi e vim para Uruará e fui trabalhar na zona rural para os lados do Macapuxi”, detalho o acusado.
A prisão foi comunicada a justiça e o preso foi levado ainda na tarde desta terça-feira para a cidade de Brasil.


O crime - Após vencer dentro do regulamento uma “cana de braço”, o braçal Gabriel Rodrigues da Silva, de 18 anos, acabou assassinado pelo perdedor da disputa, na cidade de Brasil Novo, crime ocorrido na Rua Santa Izabel do bairro Cidade Alta. O homicídio foi registrado na Delegacia de Polícia Civil de Brasil Novo.
Gabriel estava em um bar com um homem não identificado quando houve um desentendimento causado por uma derrota de Antônio Israel Ferreira na “cana de braço”.
O assassino sacou uma faca e a meteu 2 vezes no peito da vítima, que morreu minutos depois. De posse dessas informações e com a qualificação do assassino, o delegado Mario Gonçalves Sastre da Delegacia de Polícia Civil de Brasil Novo concluiu o inquérito após ouvir as testemunhas e pediu, na Justiça, a prisão preventiva do matador, pelo crime de homicídio qualificado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário