quarta-feira, 1 de junho de 2016

Acusados de cometerem roubo de motocicletas uruaraenses são presos em Medicilândia (PA)

Por Joabe Reis
Polícia prende dupla que praticava assaltos nos municípios de Uruará e Medicilândia 
A Polícia Civil do município de Uruará (PA) e a Polícia Militar de Medicilândia (PA), numa atuação conjunta, conseguiram efetuar a prisão de uma dupla que estava praticando assaltos nos dois municípios, principalmente roubos de motocicletas. Os assaltantes foram presos após roubarem uma motocicleta pop na cidade de Medicilândia nesta terça-feira, 31 de maio. Foram presos os nacionais, Deyvison Rocha da Silva, 26 anos, e Bruno Antônio Guarnieri, 24/25 anos, ambos moradores da cidade de Uruará.
Veja também:
Quadrilha de roubo de motocicletas faz várias vítimas em Uruará (PA), veja no vídeo abaixo:

Bruno Antônio Guarnieri foi preso em Medicilândia, já o acusado, Deyvison Rocha da Silva, foi preso em Uruará. Como informou o delegado de Polícia Civil de Uruará, Walison Damasceno. “Continuando os trabalhos investigativos nesta quarta-feira nós recebemos informações sobre um assalto ocorrido na noite de ontem na cidade de Medicilândia quando dois indivíduos subtraíram uma motocicleta pop da vítima. Os dois elementos usando uma arma de fogo renderam um casal e roubaram a moto. Após cometerem o roubo eles se dirigiram para a cidade de Uruará. No decorrer do trajeto um foi preso pela polícia militar de Medicilândia e o outro conseguiu fugir. Então nós tivemos informações de que o indivíduo estaria aqui na cidade, de posse dos dados do suspeito nós fizemos algumas diligências pela cidade e conseguimos chegar até este indivíduo. O mesmo foi preso e em seguida conduzido para a cidade de Medicilândia onde será feito o procedimento flagrancial. Os dois indivíduos são aqui de Uruará, possivelmente estavam praticando roubos na cidade de Uruará e na cidade de Medicilândia”, detalhou a autoridade policial.
Os dois acusados ficarão a disposição da justiça na delegacia de polícia civil de Medicilândia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário