segunda-feira, 31 de outubro de 2016

Transamazônica bloqueada entre Uruará (PA) e Medicilândia (PA)

Por Joabe Reis
Colaboração: Cirineu Santos
Transamazônica (BR-230) é interditada por índios entre as cidades de Uruará (PA) e Medicilândia (PA)
Cerca de 60 índios, da etnia Arara, bloquearam a rodovia Transamazônica (BR-230) na altura do km 130, entre as cidades de Uruará e Medicilândia. O Bloqueio parcial teve início por volta das 4 horas da manhã desta segunda-feira, 31.
Foto: PM de Medicilândia/Blog do Sidalécio
Os índios pediam a presença da imprensa no local. A passagem de veículos ficou interrompida no referido trecho da BR. Os índios estariam liberando o tráfego parcialmente de horara em hora.
Segundo informações os índio Arara querem chamar a atenção do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) e da Fundação Nacional do Índio (Funai) para os problemas enfrentados pelos indígenas na região, entre eles, a falta de manutenção das estradas ou a inexistência de outras que impossibilita os indígenas a chegarem nas 3 aldeias dos mesmos. Eles ameaçam interditar totalmente o referido trecho da Transamazônica a partir dessa terça-feira, 01, caso não haja resposta das autoridades, quando deverá ser impedido que qualquer veículo passe pelo local. 
O movimento poderá receber reforços de outros indígenas que deverão chegar ao local em micro-ônibus.
Eles alegam que já vêm tratando do assunto desde 2013 com a Funai e também com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), mas sem respostas. A falta de estradas agrava a situação dos indígenas no período do verão. Os rios secam, e devido a isso as embarcações ficam danificadas. Os índios denunciam ainda que a Funai nunca compareceu nas aldeias para verificar a real necessidade do que alegam.

Inscreva-se no nosso Canal Clima Quente no YouTube https://www.youtube.com/channel/UCrXXssgco8VURtRf_bw7-IA. Desde já agradecemos a sua visita e a sua inscrição!

Nenhum comentário:

Postar um comentário