quarta-feira, 15 de março de 2017

PM reforça segurança na Caixa e Casas Lotéricas em período de saque do FGTS na cidade de Uruará

Por Joabe Reis
Informações: Polícia Militar de Uruará
Em Uruará (PA) PM reforça segurança no entorno da agência da Caixa e Casas Lotéricas 
A Polícia Militar (PM) do Pará informou nesta terça-feira (14) que irá reforçar a segurança e intensificar as rondas no entorno das agências da Caixa Econômica Federal e lotéricas, onde trabalhadores estão realizando os saques de contas inativas do FGTS, para evitar novos ataques e roubos.
A medida foi tomada depois da ocorrência de arrombamentos e roubos a agências da Caixa Econômica na região metropolitana de Belém e no interior do estado.
De acordo com a Caixa, só nesta primeira fase foram liberados R$ 68 milhões para mais de 71 mil trabalhadores no Pará.
Com mais gente e mais dinheiro circulando, as 80 agências da Caixa Econômica Federal existentes no estado ficam mais visadas. Além delas, existem 307 lotéricas e 182 pontos de autoatendimento no Pará.
No município de Uruará, sudoeste do estado, há 1 agência da Caixa e 2 Casas Lotéricas. A Polícia Militar do município também recebeu orientação para intensificar a segurança na agência da Caixa e casas lotéricas, como informou o comandante da 13ª Companhia Independente de Polícia Militar, major Márcio Abud.
Houve essa determinação e nós reforçamos a segurança em frente a Caixa e Casas Lotéricas da cidade na quinta-feira (9) e sexta-feira (10), dia de pagamento do FGTS, fizemos também o mesmo procedimento na segunda-feira (13) e terça-feira (14), o horário da abertura da Caixa Econômica era 8 horas e nós já estávamos na rua desde as 7 horas da manhã. E no período não houve alteração, não houve problemas. A Polícia Militar segue fazendo abordagens na rodovia Transamazônica (BR-230) em veículos estranhos, a rodovia é federal e não é de nossa competência, mas nós estamos agindo fazendo barreiras e abordagens, por falta da presença da PRF, nós precisamos ter a Polícia Rodoviária Federal aqui. É importante também que a população colabore conosco e quando souber de alguma situação que nos informe ligando para o quartel e não precisa se identificar, o número do telefone é 991555682. É importante também os donos de hotéis nos informar sobre situações estranhas como hóspede que se recusa a se identificar, por exemplo. E no Brasil há uma lei que proíbe a entrada de crianças e adolescentes em hotéis sem estarem acompanhadas dos pais ou familiar e com documentação de identificação, e os donos de hotéis também tem que ajudar e denunciar”, requereu o major.

Nenhum comentário:

Postar um comentário