quinta-feira, 30 de março de 2017

Polícia Civil investiga homicídio ocorrido no centro de Uruará (PA) nesta quarta-feira, 29

Por Joabe Reis
Informações: Polícia Civil e Polícia Militar de Uruará
Crime de homicídio volta a vitimar um morador de Rua em Uruará
Um morador de rua que seria dependente do álcool foi morto a facadas por um indivíduo que também seria alcoólatra. O crime ocorreu por volta das 19 horas e 30 minutos desta quarta-feira, 29 de março, na Avenida Perimetral Sul, no Calçadão Pará Urbe, centro da cidade de Uruará. Segundo informou a Polícia Civil, a vítima não portava documentos e até o momento não foi identificada. O suspeito da autoria do homicídio, Deusino Pereira Viera, foi preso pela Polícia Militar horas depois do fato ocorrido.
Foto/ Rafael Silva: Não ofuscamos a imagem porque
a vítima ainda não foi identificada e caso alguém
a reconheça possa comunicar a polícia
Segundo informações os dois indivíduos foram vistos brigando, sendo que a vítima estava com um pedaço de pau na mão e o autor com uma faca. O autor desferiu diversos golpes de faca na vítima, a qual veio a óbito no local.
A vítima não estava com documentos pessoais e até o momento não foi identificada. Diligências estão sendo realizadas nas proximidades para localizar o possível autor. Acredita-se que a vítima seja pessoa sem residência fixa, trabalhador braçal,” detalhou o delegado Walison Damasceno.
Logo depois do crime, a guarnição de serviço (GU) da Polícia Militar em rodas pela cidade abordou um indivíduo, sendo que com ele foi encontrada uma faca suja de sangue. O mesmo foi detido e conduzido à delegacia de polícia, em seguida foi acompanhado até ao local onde estava ficando e foi encontrada uma camiseta suja de sangue.
Ainda de acordo informou a polícia, o preso nega o crime, porém não sabe explicar o motivo pelo qual estaria com uma faca suja de sangue. Considerando a situação flagrancial, pois o suspeito foi encontrado logo depois com o instrumento do crime, presumindo ser ele o autor, o mesmo ficará a disposição da justiça.
Tanto o indivíduo preso quanto a vítima não tinha endereço fixo e familiares no município.
Suspeito
A prisão do suspeito foi efetuada pela Guarnição de Serviço composta pelo sgt.Vieira, cabo Tomás, cabo Vagner e sd. Marcelo, duas facas de cozinha foram apreendidas junto com o suspeito, uma delas ainda estava suja de sangue.
No local do crime é costumeira a permanência de andarilhos e indivíduos que fazem consumo de bebida alcoólica. E no mesmo local pelo menos outros 4 homicídios já ocorreram, sendo que ambos os casos se assemelham pelas condições da vítima e do autor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário