sexta-feira, 3 de março de 2017

Sem Terras invadem TI Arara as margens da Transamazônica

Por Joabe Reis
Foto: Regional FM de Uruará
Grupo de não índios invade e marca propriedades na Terra Indígena Arara, entre Uruará e Medicilândia (PA)
Desde sexta-feira, dia 24 de fevereiro, um grupo de pessoas, que seriam sem terras, começou a invadir a Terra Indígena Arara na região que fica na margem sul da rodovia Transamazônica (BR-230) no trecho do km 140 ao km 120, entre as cidades de Uruará e Medicilândia, de acordo apurou a reportagem da Regional FM de Uruará. 
A marcação de lotes feita pelos invasores pode ser vista ao passar pela rodovia. Desde o início da invasão todos os dias ocorrem cortes de piques para marcação de propriedades realizados por pessoas que seriam de diversos lugares, como do km 120, km 140, km 135, da cidade de Medicilândia e até da cidade de Altamira.
A Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma) do município de Uruará informou nesta sexta-feira, 03, que o estado já está ciente do acontecimento. E que uma equipe técnica acompanhada da PM foi até a área para checar a veracidade da invasão e posteriormente o caso foi informado à Secretaria de Meio Ambiente do Estado e ao IBAMA e as providências necessárias serão tomadas pelos órgãos competentes.
A Unidade Avançada do INCRA em Altamira informou que não tem conhecimento do fato e não tem nada a ver com a invasão. Tentamos contato com a FUNAI e ainda estamos aguardando resposta, mas pelo o que a reportagem já apurou, uma equipe do órgão deve se deslocar para a terra indígena ainda nesta sexta-feira para fazer levantamentos da situação. Também estamos tentando contato com o grupo que invadiu a reserva indígena.
Veja também o vídeo abaixo do nosso Canal Clima Quente no YouTube:
Inscreva-se no nosso canal https://www.youtube.com/channel/UCrXXssgco8VURtRf_bw7-IA

Nenhum comentário:

Postar um comentário