Saiba Como Ganhar R$ 6.333,00 por Mês de Forma Automática, Seguro, Profissional e GRÁTIS

Saiba Como Ganhar R$ 6.333,00 por Mês de Forma Automática, Seguro, Profissional e GRÁTIS
R$100, R$200, R$500, R$1.000 por mês em renda extra te ajudaria? E que tal R$6.333 em renda extra todos mês? Você agora pode ganhar dinheiro na internet sem investir. Faça já o seu cadastro clicando na imagem acima. É uma grande oportunidade, um negócio fantástico, simples e seguro. Para informações e orientações me chame no whats 93 991872751.

sexta-feira, 29 de novembro de 2019

Produtor de peixe põe Uruará em destaque ao ser indicado a prêmio estadual do agronegócio

Por Joabe Reis
Piscicultor de Uruará é finalista do Prêmio Agropará
Um produtor rural do município de Uruará é finalista de importante premiação da agricultura do estado, sendo um dos indicados ao Prêmio Agropará, promovido pelo jornal Diário, que em 2019 chega à sua 5ª edição, e reconhece as melhores práticas do campo e valoriza o trabalho dos produtores rurais em suas 19 categorias de premiação, distribuídas pelos setores produtivos de todo o Estado. A festa da premiação que é considerada o “Oscar” do agronegócio paraense, ocorre no dia 4 de dezembro, no auditório da Federação das Indústrias do Estado do Pará (Fiepa), em Belém.
O produtor uruaraense indicado ao prêmio é o piscicultor, Darcísio Quanz, que administra a Piscicultura Quanz. Para ele a notícia com a indicação ao prêmio foi uma surpresa, mas recebida com enorme felicidade. "Para mim foi uma grata susrpresa ter sido citado o meu nome nessa lista dos melhores do estado do Pará. Fico honrado. Isso valoriza o nosso trabalho e eu estou muito feliz por ter sido lembrado. Eu comecei esta atividade de piscicultura nos anos 90 quando eu passei a criar uns peixinhos para vender no mercado. Hoje além de produzir peixes eu também fabrico a minha própria ração e estamos tentando regularizar ela aqui no município", disse.
Formado como técnico em Agropecuária no município de Ponta Grossa, no Paraná, Darcísio Quanz veio para Uruará ainda na década de 90 em busca de oportunidades de trabalho. Ele concorre na categoria “Aquicultura” com outros dois indicados.
Fica aqui o nosso desejo de Boa Sorte ao representante de Uruará.

Uruará: Mais de 4 mil eleitores terão títulos canceldos por não fazerem o cadastro biométrico

Por Joabe Reis

Apenas 87,9% dos eleitores de Uruará fizeram o cadastramento biométrico
O Cartório da 79ª Zona Eleitoral do município de Uruará, sudoeste do Pará, informou nesta sexta-feira (29) que apenas 87,90% do eleitorado, ou seja, 24.310 eleitores, do município fizeram o cadastramento biométrico obrigatório do título. Com isso 4.226 eleitores terão seus títulos cancelados por não fazerem o cadastro biométrico, sendo que o município pussui 28.536 eleitores. O prazo para o cadastro obrigatório encerrou no dia 22 de novembro, mas ainda há uma segunda chance para os desatentos, segundo o cartório, os eleitores que não realizaram o cadastro biométrico têm até o dia 19 de dezembro, data do cancelamento do título, para fazer seu cadastramento sem prejuízo. Após esta data podem ir ao cartório e solicitar a regularização. 
O período de regularização vai até o mês de maio de 2020, quando o cadastro fecha para as eleições.

Polícia realiza investigação para identificar dono de 113kg de droga que saiu de Uruará e foi apreendida em Medicilândia

Por Joabe Reis
Informações: Polícia Civil
Polícia apreende em Medicilândia 113 kg de maconha que saiu de Uruará com destino a Brasil Novo
Uma operação da Polícia Militar resultou na apreensão de mais de 100 kg de droga na rodovia Transamazônica (BR-230) no município de Medicilândia, sudoeste do Pará, nesta quinta-feira (28). O caso foi encaminhado para a Polícia Civil que sob o comando do delegado Gabriel Impelizieri, está investigando a situação. Segundo a polícia, a apreensão ocorreu por volta das 15h no km 104 da rodovia. 
O carregamento de droga havia saído da cidade de Uruará com destino a cidade de Brasil Novo em um micro-ônibus. O veículo foi interceptado por policiais militares em barreira móvel montada na BR. 
A droga estava escondida no assoalho de compensado do veículo, durante a ação policial 98 tabletes de entorpecentes foram encontrados, cerca de 113 kg de uma substância semelhante a maconha.
Uma denúncia anônima ajudou a polícia militar a realizar a apreensão.
Três pessoas estavam no micro-ônibus no momento da abordagem, sendo o motorista, Carlos Alberto Duarte de Sousa de 34 Anos, e dois passageiros. Após a apresentação do entorpecente e dos indivíduos na delegacia de polícia constatou-se que os passageiros não sabiam da carga que era transportada, sendo liberados. Já o motorista ficou preso. 
Motorista
"O condutor desse micro-ônibus alega que não sabia dessa droga, que um conhecido dele conseguiu uma viagem para ele fazer com esse micro-ônibus para levar de Uruará para Brasil Novo e foi o que ele fez e inclusive deu carona para duas pessoas que em princípio realmente não sabem de nada, só que como a informação chegou a polícia militar conseguiu interceptar esse veículo em Medicilândia e fazer a apreensão. Os policiais tentaram localizar quem iria receber o micro-ônibus, mas não conseguiram e aí foi realizado o flagrante no motorista", informou o delegado Gabriel. 
A polícia realiza investigação para identificar o dono do carregamento de droga, bem como sua origem e quem a receberia na cidade de Brasil Novo.

quarta-feira, 27 de novembro de 2019

Polícia Civil fecha madeireira em Uruará que estava furtando energia

Informações: ASCOM/Polícia Civil
Uma pessoa foi presa e 4 madeireiras foram fechadas numa operação de combate a furto de energia deflagrada em Uruará e Senador José Porfírio
Em dois dias de operação, 25 e 26 de novembro, a Policia Civil autuou em flagrante e fechou quatro madeireiras por furto de energia, sendo três nos municípios de Senador José Porfírio e uma em Uruará, na região Xingu. 
A polícia também apreendeu quatro transformadores de energia que estavam sendo utilizados de forma irregular, nas madeireiras, para desviar energia elétrica. A ação foi feita em parceria com a Celpa. Na ocasião, equipes da concessionária fizeram a retirada da rede clandestina do local e eliminaram os postes que eram utilizados para fazer as interligações. Um perito do Instituto Médico Legal fez parte da operação policial, que foi comandada pela Divisão de Investigações e Operações Especiais – DIOE. 
Detido
As madeireiras autuadas em Senador José Porfírio, estão localizadas na rodovia PA 167 e já haviam sido notificadas pela Celpa em ações rotineiras realizadas anteriormente. O proprietário da madeireira de Uruará, foi preso em flagrante.
Inquérito
Em Senador José Porfírio, a polícia vai abrir inquérito para investigar quem são os responsáveis pelos empreendimentos e tomar as medidas cabíveis. A operação em Uruará ocorreu por volta das 15h desta terça-feira  (26).
Furto de Energia
Em nota, a Celpa informou que acompanhará a continuidade do trabalho da Polícia em relação ao caso e reforça que o furto de energia é uma prática irregular que gera prejuízos a todos os setores da sociedade, além de oferecer riscos de segurança à população e comprometer a qualidade do fornecimento de energia elétrica.

segunda-feira, 25 de novembro de 2019

Uruará: Homem não identificado é assassinado a facada próximo ao mercado municipal

Por Joabe Reis
Informações: Polícia Civil
Homem é morto a facada em via pública no centro de Uruará 
A equipe de plantão da Polícia Civil (EPC Ivan, IPC Eládio Cruz, IPC Tadeu e DPC Gabriel) está apurando o caso de homicídio ocorrido no início da noite deste domingo, 24 de novembro, em via pública do centro urbano de Uruará, sudoeste do Pará, a vítima por hora não identificada, foi morta a golpe de arma branca do tipo faca. Junto ao corpo do homem assassinado a equipe policial encontrou um celular com fones de ouvido. A vítima apresenta várias tatuagens no corpo, mas segundo a polícia, nenhum documento de identificação que pudesse identifica-lo foi encontrado. 
Vítima ainda não identificada
O assassinato aconteceu numa travessa atrás do mercado municipal e ainda segundo informações policiais, o morto não apresenta ser pé inchado. Caso o corpo não seja identificado a polícia civil irá acionar o IML de Altamira.
A autoria e motivação do crime estão sendo investigadas.

quinta-feira, 21 de novembro de 2019

Mulher agride funcionária com soco dentro de empresa em Uruará

Da Redação
Deu B.O.
Funcionária é agredida por mulher em local de trabalho e caso para na delegacia  
Um caso de Lesão Corporal Dolosa foi registrado na Delegacia de Polícia Civil na cidade de Uruará, sudoeste do Pará, nessa semana. Segundo apurou a nossa reportagem junto a polícia, o sinistro aconteceu na terça-feira, dia 19 de novembro, numa empresa do centro da cidade quando uma mulher entrou no local dizendo que queria conversar com a funcionária, mas ao ver a vítima, partiu para a agressão física desferindo um soco no rosto da trabalhadora. Após sofrer a agressão a funcionária procurou a polícia para registrar o Boletim de Ocorrência (B.O.).
Ainda segundo apurou a nossa reportagem, a motivação da agressão ainda não está esclarecida, mas o caso irá gerar um processo criminal e um processo indenizatório, ambos em desfavor da agressora.
A Polícia Civil apura os fatos.
Este ocorrido serve para alertar que preferir partir para a agressão física desprezando o diálogo cordial na tentativa de resolver as diferenças pessoais é inútil, improdutivo e oneroso, sendo que ao buscar um acordo (entendimento entre as partes) através do diálogo (conversa civilizada) se evita o desgaste que um processo judicial requer, como também o desgaste financeiro inevitável.
O crime de Lesão Corporal Dolosa
Caso a lesão corporal tenha sido proposital, com a intenção de que ela ocorresse ou tendo assumido o risco de tal condição, responderá o agente pela lesão corporal dolosa, constante do artigo 129 do Código Penal. A pena decorrente da lesão corporal dolosa (intencional), de natureza leve, é de detenção de três meses a um ano.

quarta-feira, 20 de novembro de 2019

Professor atropelado por caminhão em Uruará morre no Hospital Regional em Altamira

Por Joabe Reis
Professor Lindomar Bonfim não resiste aos ferimentos e falece no Hospital Regional em Altamira 
Faleceu por volta das 6:30 desta quarta-feira no Hospital Regional Público da Transamazônica (HRPT) em Altamira, o professor do município de Uruará, Lindomar Bonfim, 41 anos, vítima de acidente de trânsito. O professor foi atropelado por um caminhão madeireiro no início da manhã dessa terça-feira no centro da cidade de Uruará, quando seguia de bicicleta para o trabalho.
Após ser socorrido e levado para o Hospital Municipal de Uruará o professor foi transferido numa aeronave para o HRPT onde chegou em estado grave por volta das 14 horas sendo atendido imediatamente, foi submetido a intervenção cirúrgica que durou cerca de 3 horas e meia. Segundo informou uma amiga que acompanhava o Lindomar, a professora Maria Euza, o educador havia ficado entubado sendo observado pelos médicos e no início da manhã o HRPT informou que o mesmo tinha evoluído a óbito. “Nós estávamos aguardando para saber na manhã de hoje (quarta-feira) como ele havia evoluído e aí o hospital nos informou que o professor havia falecido as 6 e 30 da manhã. O médico já tinha falado que o caso dele era muito grave e que as chances dele eram poucas, mas que havia sido feito tudo que era possível. Agora estamos fazendo os trâmites legais envolvendo as questões funerárias para o traslado para Uruará e o corpo deve chegar aí por volta das 22 horas”, informou. 

https://gazetauruara.blogspot.com/2019/11/uruara-caminhao-atropela-professor-que.html
Lindomar Bonfim atuava há muitos anos como professor no município de Uruará.
O motorista do caminhão que fugiu do local do acidente sem prestar socorro, ainda não foi identificado. O caso deve passar a ser apurado pela polícia já que o professor evoluiu a óbito.
A educação do município de Uruará está de luto.

terça-feira, 19 de novembro de 2019

Uruará: Caminhão atropela professor que estava de bicicleta indo para a escola

Por Joabe Reis
Colaboração: Cirineu Santos
Professor fratura quadril ao ser atropelado por caminhão no centro de Uruará
Um professor que seguia para a escola em uma bicicleta ficou gravemente ferido ao ser atropelado por caminhão madeireiro no centro da cidade de Uruará, sudoeste do Pará. O acidente ocorreu próximo a Praça Municipal por volta das 7:30h desta terça-feira (19). O professor teve fratura no quadril ao ser atingido pelo caminhão. O motorista não identificado fugiu do local. 
Lindomar Bonfim de Sousa, 41 anos, foi socorrido por uma ambulância e encaminhado para o Hospital Municipal de Uruará (HMU) onde recebeu atendimentos médicos, mas devido a gravidade dos ferimentos o professor foi transferido para o Hospital Regional Público da Transamazônica em Altamira em um transporte aéreo.
Segundo informou o HMU, Lindomar teve laceração extensa em região perineal. 

sexta-feira, 15 de novembro de 2019

Uruará: PC identifica trio de assaltantes mortos atropelados na Transamazônica

Por Joabe Reis
Informações: Polícia Civil
Corpos de atropelados na Transamazônica no município de Uruará são identificados 
A Polícia Civil de Uruará divulgou nesta sexta-feira (15) os nomes dos três indivíduos que foram mortos por atropelamento na madrugada de quinta-feira (14) no km 209 da rodovia Transamazônica (BR-230), entre as cidades de Uruará e Placas, sudoeste do Pará. 
Neném
Segundo a polícia o trio era de assaltantes perigosos e seria o autor do assalto a casa de um garimpeiro na cidade de Uruará no dia 14 de janeiro deste ano quando três elementos armados fizeram 8 pessoas de reféns durante 1 hora e roubaram carro, joias e dinheiro da residência, também segundo a polícia, os mesmos estavam envolvidos em assaltos a ônibus da Ouro e Prata, entre outros casos de assalto ocorridos no município. 
Os três corpos foram identificados como sendo de Edson dos Santos Farias, vulgo Neném, 31 anos (foto), que havia saído recentemente do presídio, 
Kel
Ezequiel de Lima Brito, vulgo Kel, 29 anos (foto), e o terceiro indivíduo foi identificado apenas pelo vulgo Kalango (sem imagem). 
Os indivíduos foram encontrados sem vida na rodovia e estavam encapuzados parecendo prontos para cometer crime de roubo.
A apuração do caso continua.

quinta-feira, 14 de novembro de 2019

Bandidos são mortos atropelados ao tentar praticar assalto na Transamazônica próximo a Uruará

Por Joabe Reis
Informações: Polícia Civil
Três suspeitos de assalto foram mortos por atropelamento na Transamazônica em Uruará 
Na manhã desta quinta-feira, 14 de novembro, três homens encapuzados foram encontrados mortos no km 209 da rodovia Transamazônica (BR-230) entre as cidades de Uruará e Placas, sudoeste do Pará. 
Após ser informada do fato a equipe de plantão da Polícia Civil (EPC Ivan, IPC Eládio Cruz, IPC Sérgio, DPC Gabriel) passaram a atuar na apuração dos fatos. A equipe policial esteve no local fazendo levantamento de informações e procederam com a remoção dos corpos que foram encaminhados para o necrotério do Hospital Municipal de Uruará. 
Os indivíduos usavam camisas amarradas na cabeça para cobrir o rosto, estavam em uma moto pop na cor preta ano 2018 e armados com um revólver calibre 32. 
Segundo a polícia, os indivíduos ainda não foram identificados, mas entre eles está um elemento perigoso conhecido pelo vulgo Neném que era assaltante e havia saído do presídio de Altamira recentemente. 
A motocicleta pop foi recolhida para o pátio da delegacia de polícia em Uruará, já o revólver não foi encontrado no local e segundo a polícia a arma foi furtada por pessoa desconhecida. 
Ainda segundo a polícia, os indivíduos possivelmente tentaram assaltar algum veículo grande na madrugada desta quinta-feira (14) e acabaram sendo atropelados.

terça-feira, 12 de novembro de 2019

Artefato de pedra indígena semelhante a machado que estava soterrado é encontrado por morador de Placas

Por Joabe Reis
Um artefato de pedra indígena em excelente estado de conservação foi encontrado por um morador da zona rural do município de Placas, sudoeste do Pará. O objeto rústigo antigo surgiu sobre a terra quando um trator abria um ramal as margens da rodovia Transamazônica (BR-230), próximo a localidade chamada Lote Dez, a 40 km do centro da cidade de Placas. O agricultor, Claudemir Eduardo da Silva, 65 anos, passava pelo local quando viu a pequena rocha de formato intrigante e decidiu apanhar julgando se tratar de objeto de importância histórica relevente. A descoberta do artefato ocorreu no início do mês de novembro de 2019. 
O artefato indígena de pedra lembra um machado e está em perfeito estado de conservação, o mesmo pode ser um indício de que no local viveram povos da floresta há muitos anos quando por aqui (na Amazônia) ainda não havia a presença do homem branco.
Encontrar objetos rústicos feitos de pedra não é tão incomum na região, moradores do município de Uruará (município vizinho do município de Placas) já relataram ter encontrado peças semelhantes, bem como panelas também, que provavelmente foram utilizadas por indígenas nos tempos passados.
Uma sugestão vem surgindo entre admiradores da rústica arte de que seja erguido um museu na cidade de Uruará (no coração da Amazônia) para acolher e guardado esses achados a fim de que geraçãoes futuras tenham a oportunidade de vê-los também. Um local onde a história local com suas origens possa ser preservada e apresentada através de objetos e imagens, assim sendo contada aos visitantes.

sexta-feira, 8 de novembro de 2019

Suspeito de matar mulher a facadas em Uruará é preso e autuado em flagrante

Por Joabe Reis
Informações: Polícia Civil
Polícia Civil comunica a justiça sobre prisão do suspeito de assassinar Naira
Na tarde desta quinta-feira, 07 de novembro, a Polícia Civil comunicou a justiça sobre a prisão em flagrante delito do suspeito de assassinar Naiara Lima dos Santos a golpes de arma branca, do tipo faca. Crime ocorrido na noite entre terça e quarta-feira (05-06 de novembro) na zona oeste da cidade de Uruará, sudoeste do Pará. Segundo informou a polícia, após ser preso em atuação conjunta das polícias civil e militar, o nacional, João Pedro Pereira dos Santos, vulgo JP, foi autuado em flagrante pela conduta prevista no artigo 121 do CPB (Código Penal Brasileiro), crime de homicídio, e agora está a disposição no Sistema Penitenciário do Estado do Pará.
Suspeito JP sendo conduzido pelo
policial IPC Eládio Cruz
No ato da comunicação da prisão a polícia representou pela prisão preventiva do autuado em virtude da comprovada autoria e materialidade do delito em análise.
Ao chegar na delegacia o suspeito usando de cinismo negou ter praticado o crime ao ser perguntado pela nossa reportagem. "Não tenho nada a ver com isso não rapaz. Tenho nada a ver com esse bagulho não. Estão me acusando ae", respondeu.
João Pedro está recolhido na carceragem da delegacia de polícia civil em Uruará.

quarta-feira, 6 de novembro de 2019

Uruará: Mulher é morta a golpe de faca ou terçado

Por Joabe Reis
Informações: Polícia Civil
Mulher é assassinada a golpe de arma branca na zona oeste da cidade de Uruará 
O corpo de uma mulher foi encontrado na manhã desta quarta-feira, 06 de novembro, na zona oeste da cidade de Uruará, com marcas de golpes de arma branca do tipo faca ou terçado e despido na parte de cima. A equipe de plantão da Polícia Civil (IPC Eládio Cruz e IPC Sérgio) foi acionada e esteve no local do crime fazendo os primeiros levantamentos de informações sobre o crime. Segundo a polícia informou, a vítima foi identificada pelo nome Naiara Lima dos Santos, mas como não foi encontrado documento que possa confirmar a identificação, o IML foi solicitado e o corpo será removido para Altamira.
Ainda segundo a polícia, a vítima seria usuária de droga e não tinha paradeiro certo. A mesma foi vista em um bar até meia-noite desta terça-feira (05) e foi encontrada morta as 6 horas desta quarta-feira em frente ao portão de um hotel da zona oeste da cidade.
Um inquérito policial foi instaurado para apurar o homicídio. A autoria e motivação do assassinato ainda são desconhecidas.

Atendimento com oftalmologista Dr. João Neto em Uruará realizando cirurgia de catarata

Atenção!
O médico oftalmologista, Dr. João Neto, estará atendendo em Uruará, nos dias 02, 03, 04 e 05 de dezembro de 2019 na Clínica de Olhos Dr. João Neto. No dia 05 de dezembro o Dr. João Neto estará realizando cirurgias de catarata na Avenida Perimetral Norte, ao lado da Nossa Ótica, centro de Uruará, Pará. Não perca tempo e marque agora a sua consulta! Vá a Nossa Ótica, na Perimetral Norte ou Ligue 093 992142840 e fale com a Vanderléia.

Postagem em destaque

Você pode ganhar dinheiro na internet sem investir dinheiro, saiba como

Por Joabe Reis Saiba como ter uma renda extra ganhando dinheiro na internet em site gratuito Ganhar dinheiro na internet sem investir di...

Anuncie sua empresa ou seu negócio no nosso Blog

Anuncie sua empresa ou seu negócio no nosso Blog
Esse espaço é para você divulgar o seu produto e a sua empresa para os nossos leitores